5 mitos da saúde dos dentes que são compartilhados na internet

A internet é um ótimo meio de propagação e divulgação de conhecimento. Nela você pode encontrar todo o tipo de informação de maneira muito rápida e fácil.

Em contrapartida, ao fazer uma busca na internet, junto às informações comprovadas aparecem também inúmeras suposições e achismos. Esses, transmitidos como verdades, acabam moldando a nossa relação com a saúde de forma equivocada.

Pensando nisso, separamos 5 mitos da saúde dos dentes amplamente divulgados na internet. Continue a leitura e descubra se você não está seguindo algum deles.

1. Escovas de cerdas duras são melhores para a saúde dos dentes

Existe uma crença popular de que escovas com cerdas duras seriam mais resistentes e capazes de alcançar e retirar restos de alimentos durante a escovação, porém isso é um mito.

Escovas duras, além de não possuírem uma eficácia maior do que as de cerdas mais macias, ainda são prejudiciais às gengivas. Por serem muito rígidas, essas escovas podem acabar lesionando as gengivas, e, no futuro, causar danos ainda mais graves.

Por isso, dê preferência a escovas de cerdas macias.

2. Cáries são problemas de criança

Apesar de serem um problema bucal mais recorrente em crianças, as cáries, ao contrário do que muitos imaginam, não são exclusivas dos pequenos.

No caso de adultos, remédios como antidepressivos, anti-histamínicos e sedativos, por reduzirem significativamente a quantidade de saliva, acabam retardando a limpeza da boca, deixando-a mais propensa à ocorrência de cáries.

3. Mais açúcar na alimentação significa mais cáries

Ainda sobre as cáries, diferente do que se pensa, a quantidade de açúcar ingerido não é diretamente proporcional à quantidade de cáries que alguém terá. Isso porque não é a ingestão de açúcar que causa a cárie, mas sim quanto tempo a dentição fica exposta a ele.

Por exemplo: uma pessoa que come uma barra de chocolate inteira e escova os dentes em seguida está prevenida contra a cárie. Por outro lado, alguém que ingere somente um tablete e não escova os dentes nas próximas horas, não.

Assim, não é a quantidade de açúcar que influencia no aparecimento de cáries, mas sim a falta de higienização adequada.

4. Refrigerante dietético não danifica os dentes

O açúcar é um dos alimentos mais nocivos à saúde bucal quando a higienização não é feita corretamente. Contudo, isso não significa que se uma bebida não contém açúcar na sua composição, como é o caso dos refrigerantes dietéticos, ela está livre de causar problemas.

Os refrigerantes diet apresentam pH muito ácido, e essa acidez pode prejudicar os dentes causando a corrosão do esmalte dentário.

Por conta disso, é importante não exagerar no consumo de refrigerantes, sejam eles dietéticos ou não.

5. Enxaguante bucal pode substituir a escovação

A escovação e o uso do fio dental são práticas indispensáveis para a manutenção de uma boca saudável e não podem ser substituídos. O enxaguante bucal funciona apenas como um complemento desses métodos. Sem eles, o enxaguante não tem efetividade alguma.

Como pudemos perceber, é sempre muito importante conferir se as informações na internet vêm de uma fonte confiável. Se forem relacionadas à sua saúde, então, antes de iniciar um novo hábito ou mudar sua rotina de acordo com o que você leu, certifique-se de que a informação é verdadeira, e não apenas mito.

Você ainda tem alguma dúvida em relação à saúde dos dentes? Restou algum mito a ser abordado aqui? Deixe seu comentário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *